A importância de uma boa higiene bucal

Publicado em 17/12/2012
Imagem do artigo A importância de uma boa higiene bucal

Realize uma boa higiene bucal diariamente não se esquecendo de utilizar o fio dental

Quem nunca passou pela situação constrangedora de constatar o mau hálito de uma pessoa no meio de uma conversa? A partir daí acaba a concentração e o jeito é encerrar o assunto, oferecer uma bala ou solucionar o problema de vez contando para ela que seu hálito não está exatamente fresco.

Isso acontece porque o Bulbo Olfativo, órgão que fica no Sistema Nervoso Central responsável por receber as informações do olfato, fica em estado de fadiga quando o odor é constante. Assim, o portador de halitose não sente o mau cheiro.

Causa

As causas são diversas: estresse, mudança de hábitos alimentares, higiene oral incorreta, ingestão inadequada de água, e por aí vai. O que muitos não sabem é que o mau hálito não está ligado a problemas do estômago.

Temos três válvulas na região do esfíncter gástrico que impedem o retorno dos alimentos e dos gases do estômago de subirem para a boca.

Uma das grandes vilãs da halitose é a saburra lingual - uma massa esbranquiçada, formada por células mortas, restos de alimentos e bactérias, que se acumula na língua. É aí que ocorre a eliminação de um gás a base de enxofre que causa o mau hálito.

Tome água e relaxe

A solução para a halitose está nas mãos do dentista em 80% dos casos, quando a causa está ligada à higiene oral deficiente e problemas dentários como gengivite e periodontite.

Por outro lado, sempre é possível prevenir o problema e a boa notícia é que isso pode ser feito tomando bastante água e fazendo exercícios físicos para se livrar do stress.

A pouca ingestão de água faz com que as glândulas salivares não produzam a saliva adequada - líquido responsável pela limpeza da cavidade bucal. É aí que se desenvolve uma doença chamada xerostomia ou hipossalivação - a saliva fica viscosa e permite o maior acúmulo da saburra lingual.

Da mesma forma, o estresse libera hormônios do tipo adrenalina e cortisol que inibem o funcionamento das glândulas salivares e aumenta a saburra lingual. Assim, um meio de evitar o mau cheiro na boca é praticar exercícios físicos para baixar o nível de estresse.

Um ponto de atenção é válido para o uso de enxaguatórios bucais que contem álcool, já que causam ressecamento e descamação da mucosa, o que também aumenta a saburra lingual.

Dicas para evitar o mau hálito

1. Realize uma boa higiene bucal diariamente não se esquecendo de utilizar o fio dental;
2. Higienize o dorso da língua com a escova ou raspadores de língua;
3. Evite a ingestão de álcool e o fumo;
4. Não ingira alimentos condimentados frequentemente e faça refeições várias vezes ao dia evitando o jejum prolongado;
5. Invista numa odontologia de acompanhamento mantendo a saúde bucal em dia.

“Se o mau hálito persistir, procure um especialista para o diagnóstico deste distúrbio”.

Entre em contato com a Amo Odontologia, atendemos as cidades de Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Nazaré Paulista, Piracaia, Mairiporã.

Conheça nossa localização AQUI!

Deixe seu comentário


Estrutura de Atendimento

Estrutura de Atendimento - Amo Odontologia- DentistasTemos instalações novas e modernas, equipadas de acordo com as normas do Ministério da Saúde.
Salas de Espera para crianças e adultos.

Atendemos as cidades de Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Nazaré Paulista, Piracaia e Mairiporã.

A empresa Amo Odontologia
Consultorio Amo Odontologia
Amo Odontologia
Instalações do Amo Odontologia
Imagem de Galeria Home
Empresa Amo Odontologia